R. Dr. João Batista Lobato, 64 - Centro, Itapetininga - SP
(15) 3527-8199

Até agora, cidade gerou quase 2 mil novos empregos, aponta Caged

Itapetininga avançou no mercado de trabalho formal, entre janeiro a agosto, com saldo positivo de 1.964 carteiras assinadas. A informação é do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, divulgado nesta quarta-feira, dia 29.

Em agosto, foram criadas 245 novas vagas. A cidade acelerou em três áreas importantes: construção de moradias, criação de um polo regional atacadista e novos centros comerciais.

De acordo com o Caged, Itapetininga cresceu 5,81%, superando as marcas do Estado de Paulo e do Brasil, relação ao mesmo período do ano passado. Todos os segmentos da economia avançaram. Serviços gerou 789 postos de trabalho com carteira assinada. O Comércio marcou 451 novas vagas, a Indústria avançou as linhas de produção com 449 novas contratações e na Agropecuária tem mais 303 pessoas na safra e a Construção Civil se manteve estável.

De acordo com o Caged, as principais atividades que tiveram o registro em carteira assinada foram trabalhadores da área de serviços (855), técnicos de serviços industriais (505) e funcionários agropecuários com saldo de 160 admissões.

Atualmente, Itapetininga possui 35.788 pessoas com vínculos formais, informou o Ministério do Trabalho. A gestão municipal tem apoiado o empresariado de forma transparente, sem burocracia e com agilidade no fornecimento de alvarás.

 

Fonte/Foto: Prefeitura de Itapetininga