R. Dr. João Batista Lobato, 64 - Centro, Itapetininga - SP
(15) 3527-8199

Defesa Civil é acionada para atender emergências devido à forte chuva

Devido às fortes chuvas, a Defesa Civil de Itapetininga e secretarias municipais trabalharam toda a madrugada desta quinta, dia 20, nos casos de emergência. Choveu no início da noite desta quarta, dia 19, aproximadamente 35mm de acordo com o Cemadem (Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais) com registro de granizo, principalmente nas imediações dos bairros, Vila Carolina, Vila Mazzei, Jardim Colombo, Vila Rio Branco, Vila Máximo, Vila Regina e Jardim Bela Vista.

 

Segundo a Defesa Civil, o volume de água registrado em Itapetininga durante uma hora, equivale a um dia e meio de chuva.

 

Foram registados os seguintes atendimentos: queda de quatro árvores, uma casa alagada, um muro desabou, uma casa destelhada em dois cômodos, alagamentos na avenida Waldomiro de Carvalho e avenida Cinco de Novembro, próximo ao Corpo de Bombeiros.

 

De acordo com a Defesa Civil, as árvores foram removidas e os servidores públicos municipais foram deslocados para reparar os danos causados pela chuva. As equipes continuam trabalhando nesta quinta-feira, dia 20.

 

Também foi interditada uma residência na Vila Rio Branco, com duas pessoas devido a uma parede desabar. Uma das moradoras foi atingida e foi socorrida pelo resgate. A outra foi atendida pela assistência social da prefeitura. A Secretaria de Promoção Social prestou todo o atendimento e auxílio.

 

Com relação as barracas da Feira da Lua, que estavam instaladas no Largo dos Amores, não suportaram os ventos fortes e a chuva. Foram derrubadas e algumas danificadas. Artesãos tiveram parte de seus produtos danificados. A Secretaria de Cultura e Turismo explicou que já está em contato com eles para oferecer o suporte necessário.

 

Fonte/Foto: Prefeitura de Itapetininga